O curioso caso da Hispania em Monza.

Publicado: 15/09/2010 por Mari Espada em Formula1, Notícias
Tags:, ,

Todo ano é a mesma história: As equipes de Fórmula 1 investem tempo e dinheiro no desenvolvimento de atualizações que gerem baixo downforce para o circuito de altíssima velocidade do GP de Monza.

Já neste ano de 2010 surgiu uma novidade. Nós pudemos notar uma anormalmente elevada asa traseira em carros que estavam utilizando o f-duct para compensar a alta downforce, assim como a McLaren de Jenson Button, por exemplo.

Mas os olhares atentos registraram um outro carro com a mesma configuração de asa, porém que jamais sonhou com a existência do f-duct para derrubar o arrasto nas longas retas italianas.

Este estranho carro foi o Hispania F110.

Na realidade a asa traseira utilizada pela Hispania neste final de semana na Itália é idêntica a utilizada em todas as corridas deste ano, independente das características do circuito, seja Mônaco ou seja Monza!

“É um pouco anormal correr aqui com a mesma asa que se usa no resto do campeonato, mas o carro não estava adequadamente preparado para este ajuste, então não havia nada a ser feito. É preciso modificar as placas terminais para podermos mudar o ângulo das asas, e sem testes de carga é muito perigoso fazê-lo.”, disse Bruno Senna, piloto da Hispania.

Analisando melhor, todo o F110 tem permanecido quase inalterado desde a estreia da temporada no Bahrein, devido a sérios problemas financeiros enfrentados pela equipe que, apenas para piorar a sua situação, ainda recebeu uma multa de 20 mil dólares pelo incidente em que um de seus mecânicos foi atropelado pelo japonês Sakon Yamamoto durante o pit stop em Monza!

É como diz o ditado: O pão do pobre cai sempre com a manteiga para baixo, não é mesmo?

Fonte: F1 Team

Anúncios
comentários
  1. Mari Espada disse:

    Tá vendo, o que adianta ter mais equipes no grid se eles nem conseguem ajustar o próprio carro?
    A mesma configuração de asa para um circuito travado de rua e para outro de alta velocidade é o cúmulo do absurdo!
    Não tem como, para estar na F1 tem que ter dinheiro para o desenvolvimento! Não adianta a FIA tentar minimizar os gastos com regras restritivas no regulamento…

  2. Com isso tudo eu fico é com pena do Bruno Senna, pela trajetória curta, iniciada tarde, ele merecia mostrar o trabalho num carro melhor. Claro, ele nunca será um Ayrton, mas bobo ele não é não.

    E o sobrenome Senna também deveria ser melhor aproveitado.

    • Marcus Zangari disse:

      Ow God.
      triste triste, dificilmente veremos o nome Senna por mto mais tempo na f1.
      FATO

    • Mari Espada disse:

      Espero que o Bruninho tenha novas oportunidades…
      Eu ainda quero vê-lo cruzando a linha de chegada com a bandeira do Brasil em mãos, em homenagem ao eterno gesto do tio.

      • Claudio Cardoso disse:

        Mari ->

        Eu acredito que esse cena tem grande de acontecer ano que vem.

        Como ele deve estar a pé ano que vem, quem sabe ele possa ser convidado para ano que vem dar a bandeirada no GP Brasil.

        :-)

  3. um tempo atrás rolou uma conversa rápida sobre isto.
    no meu comment, eu dizia que o problema das equipes estreantes não era falta de tempo pra treinar. já tiveram mais de 14 finais de semana pra acertar seus carros e nada muda ou pouco muda.
    o problema da fórmula um é dinheiro.
    tendo dinheiro, o problema é saber como o gastar e ter as pessoas certas pra o transformar em desempenho.
    a toyota foi um bom exemplo de uma equipe com dinheiro de grande que só conseguia desempenho de mediana.
    pra resumir, tempo pra testes só é útil se tiver dinheiro, e se tiver dinheiro, ter a melhor engenharia que o dinheiro pode pagar.
    volto a dizer, a fórmula ideal pra fórmula um é a combinação de garagistas com montadoras. os dois ganham com isto.
    espero que toyota, honda e bmw um dia voltem neste esquema.
    e outras montadoras já entrem com esta mentalidade.
    pra mim, os projetos de aquisição, como o da mercedes e o da renault, vão estar sempre sujeitos a descontinuidade.
    force india, sauber, williams, toro rosso precisam urgentemente encontrar uma montadora parceira pra se tornaram realmente competitivas no campeonato.

  4. Felipinho disse:

    Mas essa asa-flex ai da foto não é qualquer um que tem. :-)

    Sinceremente, so demonstra ainda mais a incoêrencia da FIA nas suas escolhas.

    Todo mundo já sabia que estava fadada ao fracasso, tomara que alguem a compre.

    • O Villeneuve disse que ele e a Durango estão dispostos a comprar uma equipe pra 2011. E diz que tem orçamento garantido pra três anos. Será que será a Hispania? Se sim, será que o Bruno continua?

      • wilson costa disse:

        o triste é que empresas como euskadi com muito mais estrutura e até os sérvios que contariam com um bom orçamento ficam de fora deixando essa coisa chinfrim correndo.
        E eles dizendo na imprensa que iriam assinar com toyota para usar o projeto de 2010. Me engana que eu gosto!!!
        não me espantaria se no máximo metade ano que vem falissem.

      • wilson costa disse:

        só se o bruno levar pai…trocinadores, caso contrário nada feito. E sinceramente levar patrocinadores para um projeto desses é querer jogar dinheiro fora.

    • Alex-Ctba disse:

      Realmente Felipinho, essa asa flex é a q está mais próxima do solo, pelo menos do lado direito :D

      Essa Hispania é uma vergonha mesmo. Mas, pior ainda foi a USF1 q nem uma porcaria dessas conseguiu fazer.

      E a Lotus q todo mundo meteu o pau, já vai fechar com a Renault para o próximo ano, e tem, aparentemente, ambições maiores do q HRT e Virgin.

      • wilson disse:

        que por sinal foi tema de muitos posts no inicio do ano:
        quem seria a melhor novata e qual seria a pior?
        a pior todo mundo já antecipava: hrt, hispania.
        E das outras duas realmente a Lotus parece que levou avante seu projeto de maneira mais eficiente, com certeza ambição de chegar mais longe foi sua mola propulsora.
        A virgin tem cara de empresa que está ali, mas estiver não tem do que reclamar e que possa passar a outra empresa logo, logo.

      • Vitor, o de Recife disse:

        Alex, acho que a Virgin também não é boba. O projeto deles é muito ousado e tem melhorado ao longo do ano. A questão é que este mesmo projeto ousado é caríssimo e eles dependem exclusivamente de um milionário que pode cansar da brincadeira a qualquer momento.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s