2010 foi apenas o começo…

Publicado: 09/11/2010 por Mari Espada em Artigos, Formula1
Tags:, , , ,

Num dia ensopada, no outro, esturricada. Eu passei de uva passa à carne seca num piscar de olhos! Assim é Interlagos… Mas apesar dos contratempos e do cansaço intenso em cada músculo do corpo, o brilho no olhar de cada torcedor não mente, a felicidade é imensa!!!

Para a corrida do domingo cheguei 1 hora mais cedo do que no dia anterior, mas isso não teria sido suficiente se eu não estivesse com os meninos da Torcida Acorda Cedo, que dormiram na fila. Pois quando cheguei às 4:30hs, a fila já estava imensa, tanto que os portões até foram abertos mais cedo, às 6:30hs.

E quando abriu foi aquela loucura! Todos andando muito rápido, quase correndo. Alguns até faziam a piada: acelera Rubinho… (quando alguém estava tentando ultrapassar a pessoa a sua frente).

Para mim a corrida e escalada ao topo da arquibancada do Setor G, novamente na marca dos 50 metros da reta oposta, foi como conquistar o cume do Everest! Emocionante e recompensador!

Surpreendentemente no domingo apareceram mais meninas do que no sábado, para prestigiar o evento principal do fim de semana ao lado de seus namorados e maridos (ou sócios, para os meninos que gritavam enlouquecidos com a presença feminina).

Pelo jeito apenas eu, e a Manuela (coincidentemente também São Bernardense), estávamos ali por livre e espontânea vontade. E, no meu caso, fui eu quem levou o meu marido para o autódromo, e não o contrário.

Mas os 2% da população feminina de Interlagos, em geral, eram umas desavisadas, que pareciam estar passeando no shopping, vestindo saias, shorts, salto alto e com cabelo escovado. Praticamente um extraterrestre! Aí já dá para imaginar tudo que elas ouviram, né?

Admito que, mesmo vestida de homenzinho, também mexeram comigo.  Chamaram o Daniel de sócio enquanto caminhávamos pelo setor G, me abordaram diversas vezes quando eu saia sozinha para ir ao banheiro, mas o segredo é saber impor respeito por seus conhecimentos e paixão pela Fórmula 1, e saber manter o bom humor e aceitar algumas brincadeiras.

Cada ida ao banheiro era uma aventura!!! Mas quando eu impunha a minha opinião e abordava os meninos perguntando para quem eles torciam, o foco da conversa mudava. E foi assim que me realizei ao conhecer diversos torcedores McLaristas, naquela terra que parecia só ter gente de vermelho!

Por falar em vermelho, tenho uma declaração importantíssima a fazer, algo que mudou completamente a minha vida. A área onde está escrito Vodafone nos carros da McLaren NÃO É VERMELHA!!! Ao vivo percebe-se claramente o tom de laranja vivo, igual ao da camisa da vitória. É inexplicável o porquê, nas fotos e vídeos, o Vodafone parece vermelho… mas ao vivo ele mantém a tradição do Papaya Orange!

Então as 9hs deste domingo todo o sono da noite não dormida foi embora com o ronco dos motores da Fórmula 3, que preparavam nossos ouvidos para o ronco ainda mais alto da Fórmula 1. Foi como um despertador para os torcedores, que receberam a primeira dose de adrenalina do dia.

Aproximadamente das 10 às 11hs foi a vez da corrida da Porsche Cup, e quero contar que durante este evento lembrei do nosso colega Allan Wiese e de sua paixão pelo Porsche 911 imediatamente, pois os Porches deram um show na pista, com direito a uma briga boa entre o carro 27 e o 88 da categoria Light durante diversas voltas. Era inevitável não escolher alguém por quem torcer, mesmo sem acompanhar a categoria. É a paixão pelo automobilismo e velocidade pulsando nas veias!

Então pouco tempo depois entrou Emerson Fittipaldi com sua Lotus John Player Special para arrancar suspiros de todos na arquibancada ao ouvirem o ronco grosso e rouco daquele motor. Eu fiquei tão paralisada com a apresentação que não consegui tirar fotos das 2 ou 3 voltas que ele deu por Interlagos. Mas tudo bem , pois essa imagem jamais sairá da minha lembrança!

Após esta apresentação subiram no setor G dois alemães, câmera-man da FIA. E neste momento pude notar a carência do fã de Fórmula 1, pois aqueles homens era o mais próximo que qualquer um de nós poderia chegar de um membro oficial da categoria, e por isso eles foram abordados como dois cordeirinho em meios aos lobos, pois todos queriam fazer perguntas para saciar a sua curiosidade.

Neste momento baixaram a bandeira da Red Bull sobre nossas cabeças, para que os alemães pudessem filmar. Mas os meus gritos incansáveis no megafone (emprestado do Fernando-33) pediam para recolher a bandeira, pois o desfile dos pilotos estava para começar!

E ao subir a bandeira lá vinham eles, os queridos e aguardados pilotos, acenando para o público. Neste momento dei a câmera nas mãos de meu marido, pois se eu não consegui fotografar nem a John Player Special, quem diria o meu amado Lewis Hamilton.

Dito e feito, quando Lewis passou diante de mim, acenando para a multidão do setor G, eu gritei, pulei, esperneei, girei a toalha como uma hélice acima da minha cabeça, fiz de tudo como se eu pudesse chamar a sua atenção para declarar que sou sua fã. Então uma lágrima escorreu por trás dos meus óculos escuros.., Eu estava o mais próximo possível do meu maior ídolo, e aquele momento ficaria em meu coração para sempre!

Dessa forma, às 14hs foi dada a largada do meu primeiro GP de Fórmula 1 ao vivo. Que emoção indescritível!!!

O som parecia mais alto do que no sábado, devido a todos os carros estarem na pista ao mesmo tempo, e aquele mantra ecoava por todo o autódromo, mesmo quando os carros estavam em uma curva distante. Era impossível não ouvir a harmoniosa melodia da Fórmula 1!

Foram 71 maravilhosas voltas vendo Lewis Hamilton dominar seu MP4-25 na curva ao final da reta oposta, e a cada uma delas o meu coração acelerava mais e mais, no ritmo da sua McLaren.

Mas confesso que outro carro também despertou as minhas emoções. O RB6, a impressionante obra de arte de Adrian Newey, voando baixo pela reta oposta e abrindo uma distância absurda ao final da segunda volta foi de arrepiar! A genialidade desse engenheiro me conquistou imediatamente.

E conforme as voltas eram completadas, a disparidade entre as três categorias ficava cada vez mais evidente. Primeiro vinha a Red Bull (que está acima da Fórmula 1 convencional), então vinha os carros de Fórmula 1 e depois os carros da GP2.

Mas não exatamente nessa ordem, pois devido ao curto percurso da pista de Interlagos a confusão com os retardatários era intensificada. Ainda mais no caso da Hispania, que me entristeceu profundamente ao ver de perto como aquele carro é inferior mesmo se comparado aos também GP2 da Virgin e Lotus, por isso eles tomam incansáveis voltas dos verdadeiros carros da categoria.

Assistir a Fórmula 1 ao vivo é uma experiência única que possibilita uma nova percepção sobre o esporte e os carros de cada equipe. Todo fã do esporte precisa sentir isso na pele!


Eu só não imaginava que uma coisa fosse acontecer, mas como a vida não segue regras claras aconteceu… A adrenalina de assistir a Fórmula 1 ao vivo me deixou viciada!!!

Por isso estou saindo do meu primeiro GP já pensando no segundo. É mais ou menos como ocorre com as escolas de samba (para quem gosta), que ao término do carnaval já iniciam os preparativos para o próximo ano.

Então eu concluo o meu relato com a pergunta que não quer calar: quem me acompanha na Torcida do Ultrapassagem no setor G em 2011? Vamos chegar na sexta, montar nossas barracas junto aos amigos da Torcida Acorda Cedo e aproveitar o fim de semana mais apaixonante do ano! Que tal???

Anúncios
comentários
  1. […] Sobre a corrida de Domingo: 2010 foi apenas o começo… […]

  2. Mari Espada disse:

    Para quem ainda não leu o primeiro texto da saga “Mari vai à Interlagos”, ainda dá tempo de ler e comentar: https://ultrapassagem.wordpress.com/2010/11/06/minha-primeira-vez-em-interlagos/

    Beijos! =)

    • leandro disse:

      Oi Mari…
      Nos encontramos no sabado na corrida. Sou de Bauru!
      Graças ao “33” não consegui esquecer o endereço do blog…

      Adorei!
      Bjos.

      • Mari Espada disse:

        Leandro, seja bem-vindo ao Ultrapassagem!!!

        Sinta-se a vontade para continuar nos visitando e comentando aqui no blog… a casa é sua!

        Se puder, se apresente no tópico “Quem são vocês”:
        E aproveite para ler a apresentação do pessoal, para ir se enturmando com a galera!

        Vou pegar o e-mail que você cadastrou aqui para te passar as minhas fotos…
        Ai você fica me devendo uma breja, quando eu for visitar minha vó em Lins. =P

        Beijos!

      • Mari Espada disse:

        Ops, segue o link do tópico “Quem são vocês”:
        https://ultrapassagem.wordpress.com/2010/07/21/quem-sao-voces/

  3. Vitor, o de Recife disse:

    Quando vejo fotos desse caminhão desfilando com os pilotos, não consigo lembrar de otra coisa se não o Kimi, em mais uma de suas cenas… Räikkönen.

  4. Allan Wiese disse:

    Mari, muito boa a sua descrição das emoções de Interlagos!
    Meu dia ainda vai chegar. Poder ver os melhores do mundo guiando essas máquinas, ouvir o som dos motores girando alto e tudo mais deve ser incrível. E de quebra ver os 911 na pista? Demais.
    A propósito, aquele post sobre os 911 vai sair na pré-temporada, não se preocupe!

    • Mari Espada disse:

      Allan, venha conosco em 2011!!!
      O mestre Sirlan já falou que topa… e o boss Claudemir vai trazer até o filhão!

      E fico feliz que as pessoas estão curtindo o meu singelo relato sobre Interlagos… =)

      Beijos!!!

      • Allan Wiese disse:

        2011 creio que ainda não terei condições para tanto. Sair de Santa Catarina demanda de um pouco mais de recursos, hehehe…
        Mas estarei lá ainda nesse século, hahaha!

      • Mari Espada disse:

        O único problema é a passagem de avião… porque o ingresso dá pra pagar parceladíssimo desde fevereiro (como eu fiz, hehehe).
        A hospedagem é barata, vamos ter que ficar em barracas na fila mesmo. Só gasta o aluguel do banheiro (em alguma casa da região) e o rateio para a carne do churras e bebidas.
        Mais pra frente vou verificar quanto fica esses detalhes, e passo a informação por e-mail para todos do Ultra.
        Aí você pensa melhor…. promete???

  5. samuel disse:

    só pra alfinetar, qual foi a sensação de ver ao vivo o teu miltinho levar um risco no casco do fernando alonso? hahaha

    ótimo texto, parabéns!

    • Mari Espada disse:

      Eita, esse povo adora me alfinetar!!!! =P

      Samuel, dadas as condições do campeonato, com a Red Bull dominando, com a Ferrari investindo no desenvolvimento do carro e do Alonso, e com a McLaren estagnada desde a Silly Season… confesso que fiquei muito feliz em ver o Hamilton em quarto, apenas atrás desses três excepcionais concorrentes… ainda mais com o Button logo em “sua cola”.
      Claro que suei frio quando a galera gritou “Uhhh, o Alonso passou o Hamilton”… mas logo me conformei com a situação que descrevi acima, e encarei isso como uma vitória.

      O meu Miltinho é fantástico, e mesmo quando leva um risco no casco, ele dá um show na pista! Então pra mim foi tudo lindo!!!! =D

      Beijos! E obrigada por curtir o texto!

      • wilson disse:

        Comentário editado por Claudemir Freire.

        Menos Wilson, não precisamos inflar as pessoas com esse tipo de comentário.

        Sua opinião é bem vinda, mas seus ataques não.

      • Mari Espada disse:

        O Claudemir não precisou editar o comentário do Samuel porque, mesmo alfinetando, ele foi gentil e cordial… ao contrário de outras pessoas que teimam em ser grosseiras!

        E outra, de onde tiraram essa idéia de que eu preciso ser defendida, protegida ou levada no colo como um bebê. Isso já está me irritando porque tenho muita competência e inteligência para caminhar sozinha!
        Se estou escrevendo bons textos aqui no Ultrapassagem, o mérito é somente meu. Pois através da minha dedicação ao blog tenho evoluído bastante! Ninguém facilitou para eu estar aqui, a oportunidade é igual para todos, basta saber aproveitá-la.

        E Wilson, com certeza a sua opinião sobre automobilismo é super bem vinda neste blog, eu adoro ouví-lo falar da Indy, por exemplo. Mas ficar atacando sem motivos é coisa de Troll. E para mim os Trolls devem ser banidos!

        Fica em paz! Beijos!

      • Sirlan Pedrosa disse:

        Caro Wilson,

        O esporte tem a capacidade de despertar paixões em nós humanos…e a paixão não tem nada a ver com a razão, e tudo a ver com a emoção…

        Por mais que você use argumentos racionais para desmentir….eu sempre vou achar que o Sport Club do Recife é o melhor time do planeta Terra…

        É apenas e tão somente paixão…uma das coisas que nos tornam mais que simples animais…

        Nossa querida Mari, que tem uma dedicação exemplar neste blog, é uma torcedora apaixonada do “seu Miltinho”…claro que podemos brincar com essa sua paixão…mas sempre com o cuidado para não parecer uma agressão gratuita…

        Hamilton como piloto de autorama é uma definição que só se encaixa numa paixão…por Alonso…

        Venha…participe…exalte Alonso…defenda-o…e faça como eu faço com meu querido Leão da Ilha do Retiro….exalte-o como o melhor de todos os tempos….mas tenha cuidado com a paixão dos outros….às vezes passamos da brincadeira sadia para a ofensa sem perceber…e aí acabamos machucando pessoas que no fundo contribuem para tornar nosso dia a dia mais gostoso…

        Um abraço,

        Sirlan Pedrosa

      • Vitor, o de Recife disse:

        Como assim, Sirlan? O Sport é o melhor time do mundo!! ;p

        Falando sério, assino embaixo seu comentário. Vamos torcer, mas com respeito.

      • É o Sport a 3 jogos da serie A, começando o projeto Dubai 2012…

        EU ACREDITO!!!

        Aí Mari, belo texto e espero estar junto em 2011, eu, Lu, Carol e Alice (coitadinha com apenas dois aninhos, nem vai aproveitar muito, hehehe…

        E ainda digo mais, Rubinho vai ser campeão no retorno da Williams aos grandes resultados, hehehe…

        Mas a pole vai ser de Bruno Senna e sua Lotus-Renault, debaixo de um temporal é claro, hehehehe…

      • wilson disse:

        e porque voce claudemir não editou tambem o comentario ofensivo do ron groo a minha pessoa em posts anteriores, do decorrer desse ultimo fim de semana?

        dois pesos e duas medidas?
        por sinal voce elogiou a grosseria do outro

        mas essas idiossincracias da vida eu entendo, pode ter certeza

        alem do que não escrevi nada assim tao acintoso

        acintoso é mandar se f…. como elogiado ron groo por voce, é chupa, etc e tal. e lá voce não fez nada, mas agora como diz o kesnault como é a quer…
        vocè edita meu comentario

        é igual maioria aqui no brasil e no blog e tantos outros na internet
        quando a ferrari beneficiou alonso na alemanha era errado
        agora que chega fim do campeonato querem por que querem o revide, daí
        vale porque seria uma desforra contra os brios feridos na época porque era um brasileiro.

        hipocrisia crassa solta por aqui na cara dura

      • Wilson, veja como são as coisas, você foi duro, mas ao mesmo tempo educado, então aceito e leio a crítica numa boa, e ainda deixo para que os outros lêem e tirem suas próprias conclusões.

        Mas quando se vê que o comentário é apenas para gerar discussões banais não tem porque eu deixar a coisa correr frouxa. Afinal você lembra do F1Around, aquilo virou atração de trolls e o Becken perdeu a mão e não conseguiu mais controlar e sua última tentativa foi ativar o Askimet, o que afastou a maioria dos bons comentaristas de lá.

        Então seja razoável e deixe um pouco a torcida exacerbada por A ou B de lado e comente com mais objetivo.

  6. Dimas disse:

    Mari,

    Parabéns pela narrativa! Texto muito claro e objetivo. Senti que estava no autródomo com vocês.
    Aproveitando, gostaria de lançar uma idéia: que tal um novo autródomo para SP?
    Interlagos não tem a infra que o público (que paga muiiiiiiiiiito caro) merece.

    bjs

    • Mari Espada disse:

      Dimas, que honra você por aqui… (meninos, ele é o chefe do meu marido!)
      Fico feliz que tenha gostado do meu relato. =)

      Você leu os dois textos? Qualquer coisa o link do primeiro está no meu comentário lá em cima…

      Sobre um novo autódromo, estamos fazendo um concurso aqui no blog, para novas propostas de infraestrutura e pista em Interlagos… Mas é apenas por diversão, afinal quem manda em uma reforma por lá, ou a construção de um novo autódromo, é mesmo a prefeitura.

      Sem dúvida é tudo muito precário, as arquibancadas, o banheiro químico, as lojinhas, tudo deixa a desejar. Sem contar a falta de estrutura para os próprios pilotos e equipes. Isso precisa mudar urgentemente, ainda mais com as “ameaças” de novas pistas no calendário da F1. Pois o Brasil corre o risco de cair fora!

      Enfim… volte sempre ao blog, para acompanhar as novidades da F1 conosco!

      Beijos!!!

      • Sirlan Pedrosa disse:

        Mari,

        Já passaram por aqui várias amigas suas…seu marido…seu pai…os amigos da torcida acorda cedo…o chefe do marido…

        Menina, acho que Claudemir vai lhe promover a relações públicas do ultrapassagem…

        Um abração,

        Sirlan Pedrosa

      • Mari Espada disse:

        Opa!
        Eu topo esse cargo!!! =D

        Beijos, mestre!

      • Buenas…

        Ela falou tanto do blog com o pessoal do Acorda Cedo que o povo veio em peso ver o blog. Mais relações públicas que isso impossível.

        Quando o blog for grande e agente puder ter uma plataforma paga e mais estruturada a Mari concerteza será a nossa RP.

  7. MARCELÃO disse:

    oi mari!!!
    valeu pelas fotos!!!
    hoje, li novamente o primeiro e o segundo texto.
    pow!!! a emoção volta na mesma velocidade da corrida.
    dai o corpo todo arrepia.
    estou viciado e não quero conhecer a cura!!!
    apresentei o ultrapassagem para o “hye hye”!!!
    ele adorou tambem!!!
    e é certo que ano que vem estaremos juntos naquela festa.
    e assim a familia” f 1″ vai ficando cada vez maior.
    grd bj!!!

    • Mari Espada disse:

      Era justamente isso que eu pretendia com os meus textos sobre Interlagos… compartilhar a emoção de estar lá como todos! E pelo jeito foi missão cumprida! =)

      Fico feliz que você e o Hye Hye estão curtindo o Ultrapassagem… assim podemos acompanhar juntos a pré-temporada e a temporada de 2011, para termos assunto de sobra durante os dias do próximo GP!

      Então até lá, a gente vai se falando por aqui… =D

      Beijos!!!!!

  8. Anselmo Coyote disse:

    Ahhhh!!!! Eu sabia! Mari,
    Eu sabia! Eu sabia! Eu sabia! Eu sabia! Eu sabia!!!!… esse Coyote é soda!!!
    Abs.

  9. Anselmo Coyote disse:

    A musa só podia ser uma gatinha mesmo. Gatíssima, agora… rsrsrsr!!! Contei.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s