A beleza do Rally

Publicado: 18/01/2011 por Mari Espada em Artigos, Fotos
Tags:,

Sem dúvida, o Rally possui uma plasticidade única no automobilismo!

Sua beleza está no contraste do homem contra a natureza, vencendo-a através do uso de sua inteligência ao produzir máquinas e estratégias exemplares.

Veja essa beleza única nas fotos da edição da América do Sul do Rally Dakar 2011…

Essa 33ª edição do Rally Dakar, a terceira na América do Sul, teve início em 1º de janeiro, com a largada de 204 veículos, que percorreram 9.500 quilômetros, incluindo 5.000 de trechos cronometrados. O último compromisso dos aventureiros foi realizado neste domingo, 16 de janeiro, com a entrega dos troféus em Buenos Aires, Argentina.

Na categoria Motos, Marc Coma chegou à sua terceira conquista, após ter levantado o troféu em 2006 e 2009. Em uma briga acirrada com seu companheiro de equipe, o francês Cyril Despres, o espanhol mostrou controle nas dunas de areia e sal do Deserto do Atacama para sair vitorioso. Foram cinco vitórias e dez dias na liderança para confirmar o tricampeonato.

Após ficar com o vice de 2010, atrás justamente do irmão Marcos Patronelli, Alejandro chegou à sua primeira conquista. Em seu segundo ano de participação, ele aproveitou a ausência do parente para vencer o Dakar. Com uma pilotagem agressiva sob seu quadriciclo, o argentino dominou a categoria com cinco vitórias e nove estágios em primeiro lugar.

Nasser Al-Attiyah comemorou sua sexta participação com o inédito primeiro lugar. Ao lado do navegador Timo Gottschalk, o piloto do Catar conseguiu conter o avanço do companheiro de equipe Carlos Sainz para chegar ao troféu. Os erros do espanhol, que por duas vezes ficou parado na areia fofa, ajudaram Al-Attiyah a aumentar sua vantagem na classificação geral.

Vladimir Chagin aproveitou 2011 não só para chegar ao seu sétimo título entre os Caminhões, mas para derrubar recordes. O russo é dono do maior número de títulos, desbancando seu conterrâneo Karel Loprais. Com 63 vitórias, ele também é o maior vencedor de etapas da competição, passando a frente do francês Stéphane Peterhansel.

Fonte: Boston Pictures e Terra Esportes

Anúncios
comentários
  1. Allan Wiese disse:

    Lindas imagens Mari!

    Um dia ainda sonho disputar o Sertões. O Dakar fica na minha categoria “utopia”, hehehe…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s